Como tratar corretamente o lixo industrial

Como tratar corretamente o lixo industrial

O lixo produzido pelas empresas possui componentes químicos perigosos que podem causar graves danos à população e ao ambiente, sendo importante tratar corretamente o lixo industrial.

Com o crescimento acelerado de grandes empresas, cresce também o número de lixo produzido, sendo comum presenciar que muitas destas empresas não sabem como tratar corretamente o lixo industrial por falta de conhecimento e muitas outras não tomam as medidas adequadas por falta de negligência mesmo. É fato que todo o lixo produzido é cada vez maior e contribui diretamente para uma série de problemas de ordem econômica e social, sanitária e ambiental, por isso é importante que toda indústria faça a sua parte. Saiba como!

Como funciona a classificação dos resíduos

Como funciona a classificação dos resíduos

Quanto às características físicas, os resíduos podem ser classificados como secos, representados por papéis, tecidos, vidros, madeiras, espumas, plásticos, metais, entre outros, ou molhados, representado por restos de comida, bagaços de frutas, etc.

Para a composição química se classificam em orgânico (cabelos, restos de comidas, podas de jardim, etc.) e inorgânico (plásticos, borrachas, tecidos, lâmpadas, vidros, etc.).

Já quanto à origem do lixo são classificados:

Lixo doméstico

  • Domiciliar: Todo lixo produzido pelas residências, constituídos por restos de alimentos, materiais descartáveis, entre outros tantos itens.
  • Industrial: Produzido por empresas metalúrgicas, químicas, papelaria, alimentícia, entre outras.
  • Comercial: Originado dos comércios como, por exemplo, bancos, lojas, restaurantes, etc.
  • Radioativo: Esses resíduos são originados da atividade nuclear e devem ser manuseados com proteção e equipamentos adequados.
  • Entulhos: Lixos originados por projetos de obras e construções, o qual pode ser reciclado.
  • Serviços públicos: Produzido nos serviços de limpeza urbana, como por exemplo, galerias, córregos, feiras, etc.
  • Agrícola: Resíduos produzidos nas atividades agrícolas como, por exemplo, adubos, restos de colheitas, entre outros.
  • Hospitalar: Lixo produzido por hospitais, farmácias e clínicas veterinárias, representados por seringas, remédios, luvas, curativos, entre outros, que necessitam de cuidados especiais em seu descarte por possuírem características contaminantes.
  • Aeroportos e terminais rodoviários: Lixos originados de restos de alimentos e higiene pessoal que possuem grande probabilidade de hospedar doenças vindas de outras cidades e países.

Métodos para o descarte do lixo industrial

Métodos para o descarte do lixo industrial

Algumas indústrias desobedecem à lei que regulamenta o descarte correto do lixo produzido pelas indústrias e eliminam o lixo da pior forma possível.

Entre as práticas inadequadas cometidas por grandes indústrias podemos citar o descarte a céu aberto, em praias, rios e córregos ou nas beiras de estradas, que além de colaborar para a proliferação de pragas urbanas e consequentemente gerar diversas doenças à população, causa a contaminação do solo e acaba com a segurança dos moradores, além da beleza da cidade.

Como todo lixo produzido pelas indústrias possuem produtos químicos e tóxicos que oferecem sérios riscos à saúde humana e ambiental, é importante seguir métodos responsáveis para a eliminação do lixo. Existem diversas formas para tratamento que deve ser utilizado de acordo com as características do lixo produzido. Entre elas estão:

Aterros industriais

Este é um método muito mais barato e seguro para o descarte do lixo industrial. Os aterros possuem sistemas específicos que garantem o descarte seguro de todo lixo produzido nas indústrias, sem prejudicar o ambiente.

Incineração de lixo

Incineração

Este processo conduzido através da queima controlada é um pouco complexo por exigir algumas particularidades na eliminação de cada tipo de lixo. Na eliminação de resíduos compostos por hidrogênio, oxigênio e átomos de carbono, por exemplo, exige-se apenas um processo eficiente de remoção de cinzas, já para materiais tóxicos, o sistema ideal deve ser mais complexo e avançado.

Reciclagem

Uma opção bem comum e interessante visando à sustentabilidade e redução de custos para as empresas em relação ao descarte do lixo. Nesta modalidade, as empresas doam ou vendem materiais que iriam para o lixo, mas que podem ser reaproveitados para outros fins.

Benefícios do descarte adequado

Mais do que a correta destinação aos resíduos industriais e químicos, as indústrias que decidem pela implantação de  controles rigorosos para a manipulação e descarte do lixo industrial também são privilegiadas por uma série de benefícios. Não apenas as empresas, mas também toda a comunidade ao redor dela, e a sociedade em geral.

Confira abaixo alguns dos principais benefícios que o tratamento correto do lixo industrial pode trazer:

  • Benefícios do descarte adequadoRedução de riscos de acidentes na manipulação de resíduos perigosos.
  • Disposição de resíduos em sistemas apropriados.
  • Proteção à saúde da comunidade.
  • Reaproveitamento de resíduos de forma sustentável e econômica.
  • Preservação do meio ambiente, protegendo o solo, ar, rios e lagos.

Para atender as indústrias que precisam da remoção, transporte e tratamento de efluentes líquidos e lixo industrial, a Desentupidora Roto-Rooter Ambiental possui equipe especializada no manuseio correto desse material, que pode prejudicar o meio ambiente se não for cuidadosamente descartado. Confira nos links abaixo todos os nossos processos de coleta e tratamento desses efluentes:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *