Instalação de Estação de Tratamento de Esgoto

Licenciada pelos Órgãos AmbientaisInstalação de estação de tratamento do esgoto

* O serviço de instalação de estação de tratamento de esgoto está disponível apenas para São Paulo e Minas Gerais.

Indústrias e grandes consumidores comerciais de água, como hospitais e shopping centers, entre outros, necessitam planejar o manejo de seus recursos hídricos.

Para os grandes consumidores comerciais, por exemplo, o consumo de água é grande e, portanto, a geração de esgoto também, o que torna a instalação de estação de tratamento do esgoto gerado para reúso dentro do próprio empreendimento, uma alternativa muito atraente.

Já nas indústrias, é de costume encontrar diferentes processos geradores de água contaminada, que envolvem produtos químicos com composições físicas e químicas muito variáveis, o que chamamos efluentes industriais. Os efluentes líquidos industriais também podem ser provenientes de água de refrigeração, águas pluviais poluídas e do próprio esgoto sanitário.

É necessário ter cautela com relação a finalidade desses efluentes, pois raramente podem ser descartados diretamente no meio ambiente, necessitando, previamente, de uma análise pontual e específica para cada efluente. Caso contrário, pode acontecer de o solo e a água serem contaminados por alguns desses resíduos, o que ressalta a importância da busca pela solução adequada para seu destino, bem como avaliar a possibilidade de reutilização do esgoto ou efluente tratado no próprio empreendimento, para usos não potáveis.

Um projeto de tratamento de efluentes deve, portanto, considerar etapas de tratamento diferenciadas, considerando o tipo de composição química que apresenta, seja para descarte ou para reúso, sendo uma solução prática e vantajosa para empresas e para a sociedade.

Como funciona o tratamento de efluentes?

O procedimento seguido para realizar o tratamento de efluentes é dado conforme a composição física, química e biológica dos resíduos líquidos industriais ou do esgoto doméstico. Entre os principais tipos de tratamento, estão:

  • Tratamento Primário: Nessa etapa de caráter físico/químico o intuito é dividir a água dos materiais flutuam sobre ela. Algumas das técnicas utilizadas nesse processo são as de decantação, gradeamento, flotação, entre outras.
  • Tratamento Secundário: Nesse processo o objetivo é retirar a matéria orgânica. Para se obter êxito nessa etapa, pode haver a necessidade de processos aeróbicos (com a presença de oxigênio) ou anaeróbicos (sem a presença de oxigênio). Algumas das várias técnicas utilizadas no tratamento, ressaltam-se os logos ativados e suas variantes, lagoas de estabilização e lagoas aeradas.
  • Tratamento Terciário: Essa ação é indicado no caso da impossibilidade de remover os efluentes nas etapas anteriores. Nesse processo utiliza-se de técnicas físico/químicas para retirar todos os poluentes restantes. Alguns dos métodos utilizados são precipitação e coagulação, adsorção, microfiltração, entre outras.

Quais as modalidades de contrato desses sistemas de tratamento de efluentes?

Além do fornecimento de consultoria e projetos de concepção, básicos ou executivos, para a elaboração desses sistemas de tratamento de efluentes, há três modalidades de contrato que atendem muito bem aos grandes consumidores comerciais e industriais:

  • Contrato em modelo turn-key onde, além dos projetos, são fornecidos a execução e o comissionamento da estação de tratamento, entregue ao usuário pronta para o uso;
  • Contrato para operação de estações de tratamento já existentes;
  • Contrato em modelo B.O.T. (“build, operate and transfer”, ou seja: “execução, operação e transferência” da tecnologia ao final do contrato), onde realizamos todo o investimento necessário para o projeto, execução e operação da estação de tratamento, sem nenhum investimento inicial do cliente. O cliente fica responsável apenas pelo pagamento mensal, de forma proporcional ao volume de efluente tratado e, após o término do contrato, a estação é transferida para o mesmo sem custo adicional.

E quais as vantagens da instalação da estação de tratamento?

  • Ter um compromisso consciente e sustentável para com o meio ambiente.
  • Desenvolver um papel importante no direcionamento do destino ideal aos efluentes.
  • A criação de alternativas saudáveis de uso não potável da água gerada após o tratamento.
  • Ao oferecendo diversas formas contratuais, implicará diretamente na alta atratividade econômica na implantação dos sistemas de tratamento.
  • Melhoria da saúde pública, evitando-se doenças causadas pela poluição decorrente do descarte indevido de efluentes.

O papel da Roto-Rooter para o meio ambiente

A Roto-Rooter, pioneira no ramo de desentupimentos, preocupa-se em atuar sempre de forma sustentável, tendo como a principal base a preservação do meio ambiente. Apresenta em seu leque de serviços soluções eficientes voltadas para o tratamento de esgoto e efluentes industriais. Conte com uma equipe altamente capacitada que tem o dever de acompanhar todo o processo, desde a concepção e implantação do sistema de tratamento.

A desentupidora Roto-Rooter carrega consigo o objetivo de ser referência no assunto, e para atingi-lo, faz questão de prestar a melhor assessoria técnica e ambiental sobre tratamento de efluentes, da maneira que atenda todas as necessidades de sua empresa.

Confira também outros assuntos sobre efluentes: